Gestão da água (C3)

Medidas de gestão de água


Esta ação destina-se a promover infiltração de águas pluviais e a redução do escoamento superficial através da promoção de bacias de retenção em áreas verdes.

Inclui também um dimensão social importante, com conscientização dos hortelãos urbanos sobre boas práticas no uso e gestão da água.

Esta ação é apoiada pelo Plano Geral de Drenagem de Lisboa (2016-2030), cujos objetivos têm uma estreita relação com a adaptação às alterações climáticas.
 

Sub-acções previstas:

  • Melhoria da bacia de retenção / Lago na Bela Vista sul

Atualmente, esta bacia de retenção de 200 m2, apresenta algumas fragilidades que comprometem o seu desempenho e utilidade. Esta sub-ação tem como objetivo a melhoria da bacia e a renovação das plantas aquáticas, contribuindo para um habitat saudável, que possa apoiar a biodiversidade aquática sem comprometer a capacidade de economia e retenção de água.

  • Instalação de uma área de zero desperdício de águas pluviais no LNEC

O LNEC, situado na região norte de Lisboa, é uma organização reconhecida no campo da pesquisa sobre a água, nomeadamente na relação entre a água e as alterações climáticas.

Com esta sub-ação espera-se tornar acessível aos cidadãos uma área de cerca de 5000 m2, com desperdício zero de água da chuva. Este protótipo integra diferentes soluções de gestão da água que constituem uma adaptação aos impactos esperados para a precipitação (redução da precipitação média anual e eventos de precipitação intensa).

  • Implementação de um piloto para gestão da água em hortas urbanas e formação dos hortelãos

Esta sub-ação visa a redução do consumo de água em hortas urbanas. O regulamento dos parques hortícolas não permite sistemas de rega automática para promover a presença humana nos parques. A rega é, portanto, um processo 100% humano, sendo o consumo de água elevado.

Assim, esta sub-ação envolve a instalação de contadores de água individuais para tornar o consumo de água mais consciente e sessões que abordam questões de eficácia da rega, matéria orgânica do solo, ações integradas de conservação do solo e seleção de plantas.

Como resultado desta sub-ação são desenvolvidas diretrizes sobre sustentabilidade do consumo de água, a serem aplicadas em outras áreas de hortas urbanas
 



Prazo: a instalação da área de zero desperdício de águas pluviais no LNEC espera-se estar finalizada no final de 2021 e as restantes duas sub-ações começam por volta do terceiro trimestre de 2021.